BLOG

Home > Blog > Destaques > Como se preparar para incidentes?
Destaques

Como se preparar para incidentes?

Por

Quando se fala em cibersegurança, quase sempre o assunto principal é como evitar que um ataque aconteça.

Mas o que fazer quando o caos já está instaurado e a gente se vê no meio do turbilhão causado por um incidente que pode causar graves consequências e até mesmo afetar a continuidade do negócio?

Estar preparado para emergências é essencial para conseguir agir da melhor forma e com velocidade em caso de desastres.

Antes de tudo, planejamento é essencial.

Com estes 5 passos, sua organização irá agir da melhor forma em caso de incidentes:

 

1. DEFINIR UM TIME RESPONSÁVEL:

 

Saber quem deve ser avisado em caso de emergência e ter um time já claramente definido em termos de hierarquia e responsabilidades é primordial para uma reação rápida e eficiente.

Afinal, no calor do momento não se pode perder tempo decidindo o que cada um deve fazer.

 

 

 

2. TER UM PLANO DE AÇÃO:

Detalhar de forma clara os procedimentos que as pessoas da organização devem seguir em caso de desastre.
Um bom plano de ação deve conter os protocolos de ação padrão e também como deve ser feita a comunicação para o time responsável e também internamente, além dos protocolos de resposta padrão.
Esses fatores ajudam a estabelecer um procedimento claro de resposta em caso de incidentes ou desastres, reduzindo consideravelmente os efeitos negativos, como período fora do ar, impactos financeiros e danos para a reputação.

 

 

 

3. ELABORAR UM MANUAL PARA INCIDENTES MAIS COMUNS:

 

Para reduzir o impacto dos tipos mais comuns de incidentes de segurança, em conjunto com o plano de ação, também deve ser criado um manual com as medidas a serem tomadas para os casos mais frequentes de incidentes.

Com isso, os usuários terão em mãos um material educativo sobre o que fazer nesses casos e estarão mais preparados para agir rapidamente em situações de stress.

 

 

 

4. SIMPLIFICAR AS INSTRUÇÕES E MODO DE AGIR:

 

 

Um plano com ações complexas dificulta o processo em emergências.

Embora o plano de ação deva ser completo e detalhado, ele ainda precisa ser claro e simples para facilitar a compreensão de todos.

 

 

 

 

5. RECORRER A ESPECIALISTAS CASO NÃO TENHA EXPERIÊNCIA E/OU CONHECIMENTO:

 

Se por acaso sua organização não seja especialista em cibersegurança e não tenha todos os recursos necessários ou um time com a expertise necessária para lidar com incidentes e ameaças ao ambiente de TI, então utilizar-se dos serviços de empresas especializadas é a solução com melhor eficácia e custo-benefício que sua empresa pode ter.

 

 

 

 

A Enygma Tecnologia, como empresa referência em cibersegurança, irá colocar à sua disposição um time de especialistas que irá prover todo o suporte necessário para lidar com incidentes em situações de emergência ou não, além de providenciar orientação em como melhorar a segurança do ambiente de TI e auxiliar na criação de um plano de ação interno de reposta em caso de incidentes de acordo com as melhores práticas de cibersegurança.

 

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DESTES ARTIGOS:

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

ENYGMA TECNOLOGIA © Todos os direitos reservados